Você já deve ter ouvido falar sobre os cognatos, que são palavras entre o espanhol e o português que têm o mesmo significado e uma grafia similar nos dois idiomas. Já os falsos cognatos ou “falsos amigos” são aquelas palavras que possuem uma grafia parecida, mas um significado diferente para cada língua.

Confira alguns exemplos:

Falsos cognatos em espanhol Significados em português
Acordar Lembrar
Apellido Sobrenome
Asistir Frequentar
Acreditar Dar um crédito
Cana Cabelo branco
Berro Agrião
Feria Feira
Guitarra Violão
Oficina Escritório
Oso Urso
Pelado Careca
Pelo Cabelo
Polvo Pó, Poeira
Prender Acender
Rico Gostoso
Rato Momento
Bolso Bolsa
Novela Romance

 

Além dos falsos cognatos citados acima, existem muitos outros que são
essenciais para facilitar a compreensão em um diálogo em espanhol.

Gostou da dica? Venha para a PBF e veja como aprender espanhol não é um bicho de sete cabeças.